sábado, 17 de outubro de 2015

Orações para a Bênção do Santíssimo


Por Blasius Ludovicus

Conforme os livros litúrgicos, a bênção do Santíssimo é uma cerimônia de si muito simples, constando apenas do Tantum ergo com seu versículo e oração, seguida da bênção propriamente dita (o sinal da cruz com o Santíssimo, em silêncio).
Porém, sempre costumou-se ajuntar uma prece pelo Sumo Pontífice e pelo Ordinário do lugar, com os Louvores em reparação pelas blasfêmias. E além disso, no Brasil, termina-se o rito com uma oração pela Pátria o Pater, Ave e Gloria para alcançar a desejada indulgência.
Portanto, apresentaremos as orações todas, conforme se reza na Forma Extraordinária no Brasil.




Oração pelo Sumo Pontífice

Oremus pro Pontífice nostro N.
Dóminus consérvet eum, et vivíficet eum, et beátum fáciat eum in terra, et non tradat eum in ánimam inimicórum eius.

Quando se canta com tom solene:

Tu es Petrus.
.  Et super hanc pétram ædificábo Ecclésiam méam.

Orémus
Deus, ómnium fidélium pastor et rector, fámulum tuum N. quem pastórem Ecclesiæ tuæ præésse voluísti, propitius réspice : da ei, quǽsumus, verbo et exémplo, quibus præest profícere; * ut ad vitam, una cum grege sibi crédito, pervéniat sempitérnam. Per Christum Dominum Nostrum.



Oração pelo Bispo diocesano
                              


. Orémus pro Antístite nostro N.
.  Stet et pascat, in fortitúdine tua, Dómine, in sublimitáte nóminis tui.

                                                  Quando se canta com tom solene:

. Tu es Sacérdos in æternum.
. Secúndum órdinem Melchísedech.

Orémus
Deus, qui pópulis tuis indulgéntia cónsulis et amoré domináris Antístite nostro N. cui dedísti régimen disciplinæ, da spíritum sapiéntiæ, * ut de proféctu sanctárum óvium fiant gáudia æterna Pastoris. Per Christum Dominum Nostrum.



. Panem de cælo præstitísti eis (T. P. Allelúia).
. Omne delectaméntum in se habéntem (T. P. Allelúia).

Orémus
Deus qui nobis sub sacraménto mirábili passiónis tuæ memóriam reliquísti: tríbue, quæsumus, ita nos Córporis et Sánguinis tui sacra mystéria venerári, ut Redemptiónis tuæ fructum in nobis iúgiter sentiámus. Qui vivis et regnas in sæcula sæculórum. 
R: Amen.

Dá-se a bênção, traçando o sinal da cruz com o Santíssimo, sem nada dizer.

Louvores em reparação das blasfêmias
Bendito seja Deus.
Bendito seja Seu santo Nome.
Bendito seja Jesus Cristo, verdadeiro Deus e verdadeiro homem.
Bendito seja o Nome de Jesus.
Bendito seja o Seu Sacratíssimo Coração.
Bendito seja o Seu Preciosíssimo Sangue.
Bendito seja Jesus no Santíssimo Sacramento do Altar.
Bendito seja o Espírito Santo Paráclito.
Bendita seja a grande Mãe de Deus, Maria Santíssima.
Bendita seja a Sua Santa e Imaculada Conceição.
Bendita seja Sua gloriosa Assunção.
Bendito seja o Nome de Maria, Virgem e Mãe.
Bendito seja São José, Seu castíssimo esposo.
Bendito seja Deus nos Seus Anjos e nos Seus Santos.


Oração pela Igreja e pela Pátria

Deus e Senhor nosso,/ protegei a vossa Igreja,/ dai-lhe santos pastores e dignos ministros./ Derramai as Vossas bênçãos/ sobre o nosso Santo Padre, o Papa,/ sobre o nosso Bispo,/ sobre o nosso reitor,/ sobre todo o clero;/ sobre o chefe da Nação e do Estado/ e sobre todas as pessoas constituídas em dignidade para que governem com justiça./ Dai ao povo brasileiro/ paz constante/ e prosperidade completa./ Favorecei, com os efeitos contínuos de vossa bondade,/ o Brasil,/ este bispado,/ o Seminário em que habitamos,/ a cada um de nós em particular,/ e a todas as pessoas por quem somos obrigados a orar/ ou que se recomendaram às nossas orações./ Tende misericórdia das almas dos fiéis que padecem no Purgatório;/ dai-lhes, Senhor,/ o descanso e a luz eterna.

Pai Nosso, Ave Maria, Glória ao Pai.

Nenhum comentário:

Postar um comentário