terça-feira, 13 de dezembro de 2016

Quarta-feira das Têmporas do Advento

PRÓPRIO DA MISSA
Estação em Santa Maria Maior
Féria de II classe, paramentos roxos
 “Ecce Virgo concípiet, et páriet fílium:
et vocábitur nomen ejus Emmánuel.”



INTRÓITO
(Is 45,8; Sl 18,2)
RORÁTE cæli désuper, et nubes pluant justum: aperiátur terra, et gérminet Salvatórem. Ps. Cæli enárrant glóriam Dei: et ópera mánuum ejus annúntiat firmaméntum. Glória Patri. Roráte.
DERRAMAI do alto, ó céus, o vosso orvalho, e as nuvens chovam o Justo: que a terra se abra e germine o Salvador. Sl. Os céus publicam a glória de Deus e o firmamento anuncia a grandeza das obras de suas mãos. Glória ao Pai. Derramai.

Depois do Kýrie, eléison, diz-se imediatamente:
V. Oremus.
V. Flectámus génua.
V. Leváte.
Oratio
PRAESTA, quǽsumus, omnipotens Deus: ut redemptionis nostrae ventura solemnitas, et praesentis nobis vitae subsidia conferat, et aeternae beatudinis praemia largiatur.  Per Dominum.
V. Oremos.
V. Ajoelhemo-nos.
V. Levantemo-nos.
Oração
SUPLICAMO-VOS, ó Deus todo poderoso, nos concedais que a solenidade futura de nossa redenção, nos confira os consolos da vida presente e nos conceda o prêmio da eterna bem-aventurança. Por Nosso Senhor.

1ª LEITURA
(Is 2,2-5)
Lectio Isíæ Prophétæ
IN diebus illis: Dixit Isías Prophéta: «Erit in novissimis diebus : præparatus mons domus Domini in vertice montium, et elevabitur super colles; et fluent ad eum omnes gentes. Et ibunt populi multi, et dicent: Venite, et ascendamus ad montem Domini, et ad domum Dei Jacob ; et docebit nos vias suas, et ambulabimus in semitis ejus, quia de Sion exibit lex, et verbum Domini de Jerusalem. Et judicabit gentes, et arguet populos multos; et conflabunt gladios suos in vomeres, et lanceas suas in falces. Non levabit gens contra gentem gladium, nec exercebuntur ultra ad prælium. Domus Jacob, venite, et ambulemus in lumine Domini.»
Leitura de Isaías Profeta
NAQUELES dias: Acontecerá, nos últimos tempos, que a montanha da Casa do Senhor estará plantada bem firme no topo das montanhas, dominando os mais altos morros. Para lá afluirão as nações todas, povos numerosos irão, dizendo: “Vinde! Vamos subir à montanha do Senhor! Vamos ao Templo do Deus de Jacó. Ele nos vai mostrar a sua estrada e nós vamos trilhar os seus caminhos.” Pois de Sião sai o ensinamento, de Jerusalém vem a palavra do Senhor. Às nações ele dará a sentença, decisão para povos numerosos: devem fundir suas espadas, para fazer bicos de arado, fundir as lanças, para delas fazer foices. Nenhuma nação pegará em armas contra a outra e nunca mais se treinarão para a guerra. Casa de Jacó, vinde, vamos caminhar à luz do Senhor!”

GRADUAL
(Sl 23,7.3.4)
TOLLITE portas, principes, vestras: et elevamini portae aeternales: et introibit Rex gloriae. V. Quis ascendit in montem Domini? aut quis stabit in loco sancto eius? Innocens manibus et mundo corde.
PRÍNCIPES, abri as vossas portas e elevai as vossas portas eternais; e entrará o Rey da Glória. V. Quem poderá subir ao monte do Senhor, e permanecer em seu lugar santo? Quem tem mãos inocentes e puro o coração.

COLETA
V. Dominus vobiscum.
R. Et cum spiritu tuo.
FESTINA, quǽsumus, Domine, ne tardaveris, et auxilium nobis supernae virtutis impende: ut adventus tui consolationibus subleventur, qui in tua pietate confidunt: Qui vivis
V. O Senhor esteja convosco.
R. E com teu espírito.
Apressai vossa vinda, Senhor, nos vos suplicamos, e não tardeis; e concedei-nos o auxílio da virtude celestial; a fim de que repousem com os consolos de vossa vinda os que confiam em vossa clemência. Vós que viveis.

2ª LEITURA
(Is 7,10-15)
Lectio Isíæ Prophétæ
In diebus illis: Locutus est Dominus ad Achaz, dicens: «Pete tibi signum a Domino Deo tuo, in profundum inferni, sive in excelsum supra.»  Et dixit Achaz: «Non petam, et non tentabo Dominum.» Et dixit: «Audite ergo, domus David. Numquid parum vobis est molestos esse hominibus, quia molesti estis et Deo meo ?  Propter hoc dabit Dominus ipse vobis signum: ecce virgo concipiet, et pariet filium, et vocabitur nomen ejus Emmanuel.  Butyrum et mel comedet, ut sciat reprobare malum, et eligere bonum.»
Leitura de Isaías Profeta
Naqueles dias: O Senhor continuou falando com Acaz. Disse: “Pede um sinal ao Senhor teu Deus, quer da profundeza da terra quer das alturas sublimes”. Mas Acaz respondeu: “Não pedirei, não tentarei o Senhor”. Ele disse-lhe: “Ouvi, então, vós da casa de Davi: Será que achais pouco incomodar os homens, e passais a incomodar até o meu Deus? Pois bem, o próprio Senhor vos dará um sinal. Eis que a jovem conceberá e dará à luz um filho e lhe porá o nome de Emanuel. Ele vai comer coalhada e mel até aprender a rejeitar o mal e escolher o bem.

GRADUAL
(Sl 144,18.21)
PROPE est Dominus omnibus invocantibus eum, omnibus qui invocant eum in veritate. V.  Laudem Domini loquetur os meum: et benedicat omnis caro nomen sanctum eius.
O Senhor está perto dos que o invocam; dos que o imploram com sinceridade. V. Minha boca publique os louvores do Senhor; e toda carne bendiga seu nome.

EVANGELHO
(Mt 11,2-10)
Sequentia sancti Evangelii secundum Lucam
IN In illo tempore: Missus est Angelus Gábriel a Deo in civitátem Galilǽæ, cui nomen Názereth, ad Vírginem desponsátam viro, cui nomen erat Joseph, de domo David, et nomen Vírginis María. Et ingréssus Angelus ad eam, dixit: «Ave grátia plena: Dóminus tecum: benedícta tu in muliéribus.» Quæ cum audísset, turbáta est in sermóne ejus: et cogitábat qualis esset ista salutátio. Et ait Angelus ei: «Ne tímeas, María, invenísti enim grátiam apud Deum: ecce concípies in útero, et páries fílium, et vocábis nomen ejus Jesum. Hic erit magnus, et Fílius Altíssimi vocábitur, et dabit illi Dóminus Deus sedem David patris ejus: et regnábit in domo Jacob in ætérnum, et regni ejus non erit finis.» Dixit autem María ad Angelum: «Quómodo fiet istud, quóniam virum non cognósco?» Et respóndens Angelus, dixit ei: «Spíritus Sanctus supervéniet in te, et virtus Altíssimi obumbrábit tibi. Ideóque et quod nascétur ex te Sanctum vocábitur Fílius Dei. Et ecce Elísabeth cognáta tua, et ipsa concépit fílium in senectúte sua: et hic mensis sextus est illi, quæ vocátur stérilis: qui non erit impossíble apud Deum omne verbum.» Dixit autem María: «Ecce ancílla Dómini, fiat mihi secúndum verbum tuum.»
R. Laus tibi, Christe.
+ Continuação do Santo Evangelho segundo São Lucas.
NAQUELE tempo, o anjo Gabriel foi enviado por Deus a uma cidade da Galiléia, chamada Nazaré, a uma virgem prometida em casamento a um homem de nome José, da casa de Davi. A virgem se chamava Maria. O anjo entrou onde ela estava e disse: “Alegra- te, cheia de graça! O Senhor está contigo”. Ela perturbou-se com estas palavras e começou a pensar qual seria o significado da saudação. O anjo, então, disse: “Não tenhas medo, Maria! Encontraste graça junto a Deus. Conceberás e darás à luz um filho, e lhe porás o nome de Jesus. Ele será grande; será chamado Filho do Altíssimo, e o Senhor Deus lhe dará o trono de Davi, seu pai. Ele reinará para sempre sobre a descendência de Jacó, e o seu reino não terá fim”. Maria, então, perguntou ao anjo: “Como acontecerá isso, se eu não conheço homem?” O anjo respondeu: “O Espírito Santo descerá sobre ti, e o poder do Altíssimo te cobrirá com a sua sombra. Por isso, aquele que vai nascer será chamado santo, Filho de Deus. Também Isabel, tua parenta, concebeu um filho na sua velhice. Este já é o sexto mês daquela que era chamada estéril, pois para Deus nada é impossível”. Maria disse: “Eis aqui a serva do Senhor! Faça-se em mim segundo a tua palavra”. E o anjo retirou-se de junto dela.
Credo.
OFERTÓRIO
(Is 35,4)
CONFORTAMINI, et iam nolite timere: ecce enim Deus noster retribuet iudicium: ipse veniet ut salvos nos faciet.
TENDE confiança e não temais: olhai o vosso Deus que vem para executar uma justa vingança: ele mesmo virá e salvará.

SECRETA
ACCEPTA tibi sint, quǽsumus, Domine, nostra jejunia: quae et expiando nos tua gratia dignos efficiant, et ad sempiterna promissa perducant.  Per Dominum
PEDIMO-VOS, Senhor, que vos sejam agradáveis nossos jejuns: os quais, expiando-os, nos façam dignos de vossa graça e das promessas eternas. Por Nosso Senhor.

PREFÁCIO DO ADVENTO
VERE dignum justum est, aequum et salutare, nos tibi semper et ubique gratias agere: Domine Sancte, Pater omnipotens aeterne Deus: per Christum Dominum nostrum. Quem perdito hominum generi Salvatorem misericors et Fidelis promisisti: cuius veritas instrueret ínscios, sanctitas iustificaret ímpios, virtus adiuvaret infirmos. Dum ergo prope est ut veniat quem missurus es, et dies affulget liberationis  nostrae, in hac promissionum tuarum fide, piis gaudiis exsultamus. Et ideo cum Angelis et Archangelis, cum Thronis et Dominationibus, cumque omni militia caelestis exercitus, hymnum gloriae tuae canimus, sine fine dicentes: Sanctus...
VERDADEIRAMENTE é digno e justo, e igualmente salutar, que, sempre e em todo o lugar, Vos demos graças, ó Senhor santo, Pai onipotente, eterno Deus: por Cristo Nosso Senhor. Vós que, sendo misericordioso e fiel, prometestes o Cristo Salvador do gênero humano perdido, cuja verdade deveria instruir os ignorantes, santidade justificar os ímpios e força ajudar os enfermos. Enquanto aproxima-se a vinda daquele que enviareis e brilha o dia de nossa libertação nós exultamos com piedosa alegria na fé das vossas promessas. E por isso, com os Anjos e os Arcanjos, com os Tronos e as Dominações, e com toda a milícia do exército celestial cantamos hinos à vossa glória, dizendo sem fim: Santo...

COMUNHÃO
(Is 7,14)
ECCE Virgo concípiet, et páriet fílium: et vocábitur nomen ejus Emmánuel.
EIS que uma Virgem conceberá e dará à luz um Filho, e seu nome será Emanuel.

PÓSCOMUNHÃO

SALUTÁRIS tui, Dómine, munere satiáti, súpplices deprecámur: ut, cujus lætámur gustu, renovémur efféctu.
SATISFEITOS, Senhor, com o dom de vossa salvação, vos rogamos humildemente que sejamos renovados pela sua virtude, os que com seu gosto nos alegram. Por Nosso Senhor.

Nenhum comentário:

Postar um comentário